PR satisfeito com o papel da Gapi na promoção da mulher empreendedora

“Estou satisfeito com o que vejo, por isso congratulo a Gapi pelo seu papel na transformação destas mulheres de Dondo e não só, em empresárias!”, foi com estas palavras que o Presidente da República (PR), Filipe Nyusi, manifestou o seu agrado pelo trabalho que a Gapi vem desenvolvendo da promoção da mulher empreendedora.

O PR teceu estes comentários na última sexta-feira, dia nove de Março corrente, por ocasião da sua visitá à uma feira de agro-negócios que decorreu no distrito do Dondo, Província de Sofala, na qual a Gapi fez-se representar pela sua delegação da Beira.

No evento, o PR esteve à conversa com mulheres da Associação “Mulheres Chiverano – (Entendimento entre as mulheres)” e “Tendeni Timarice Utcherengue – (Vamos acabar com a pobreza)” que expuseram a sua produção, da qual se destacou a farinha de milho, feijão bóer, arroz e compotas de goiaba produzidos com a assistência da Gapi.

A intervenção da Gapi neste desafio de transformar vários grupos de mulheres em empresárias, no corredor da Beira, é feita em parceria com o Ministério do Género, Criança e Acção Social, ao abrigo do Programa de Empoderamento da Mulher e Desenvolvimento de Habilidades, que é financiado pelo Banco Africano de Desenvolvimento (BAD).

A escolha da Gapi para implementar este programa, cuja segunda fase tem a duração de três anos e vai abranger 1.342 mulheres das províncias de Manica e Sofala, deveu-se ao reconhecimento por parte do Governo e do financiador, da sua capacidade comprovada de promover o empreendedorismo e a  criação de empresas.

A actuação da Gapi visa, de um modo geral, reduzir a pobreza e promover o crescimento inclusivo. Para tal, presta assistência técnica e financeira que permite empoderar e aumentar a renda da mulher rural, através do melhoramento das habilidades de comercialização agrícola e agro-processamento.

Na ocasião, outras figuras importantes presentes no evento, tal como a Governadora da Província de Sofala e o Director Provincial da Agricultura e segurança Alimentar, também saudaram a Gapi pelo seu trabalho em apoiar mulheres na obtenção de rendimentos a partir da actividade agrícola e do agro-processamento.

Deixe uma resposta

Close Menu