Mariscos do índico já é Made in Mozambique

Mariscos do índico já é Made in Mozambique

A Empresa Mariscos do Índico já ostenta o selo Made in Mozambique, em resultado da sua conformação com as normas e boas práticas de qualidade estabelecidas pelas entidades moçambicanas. Este  reconhecimento da Marsicos do Índico é fruto da intervenção da Gapi que a permitiu recuperar de uma crise financeira e das ameaças da banca comercial.

O selo Made in Mozambique foi atribuído pelo Ministério da Indústria e Comércio no passado mês de Junho na cidade de Nampula, numa cerimónia presidida pelo governador daquela província, Victor Borges.

Na ocasião, Victor Borges enalteceu o esforço desta empresa, destacando que “a atribuição do selo à Mariscos do Índico acrescenta valor ao pescado e completa a cadeia de valor do sector pesqueiro, o que irá contribuir para a valorização da actividade, aumento dos ganhos dos operadores, aumento de postos de trabalho e, consequentemente, mais dinheiro para os cofres do Estado”.

No acto de recepção do diploma que confere o selo, Miguel Costa, director executivo da empresa, reconheceu que sem a parceria da Gapi, a atribuição do selo não teria ocorrido, e que é preciso reafirmar o compromisso de aumentar a produção e produtividade e  melhorar cada vez mais a qualidade.

A intervenção da Gapi permitiu-nos voltar a trabalhar. Depois de quase seis meses parados, cerca de cinquenta trabalhadores viram os seus postos de trabalho assegurados. Queremos levar a bandeira de Moçambique para mais países e com a Gapi sabemos que iremos conseguir”– afirmou.

A Mariscos do Índico explora o mercado nacional e internacional, tendo como principais clientes os países da União Europeia que chegam a absorver 90% da sua produção.

João Maunze, director Regional Norte da Gapi disse que a instituição que representa se sente “honrada e orgulhosa por testemunhar o reconhecimento nacional do trabalho desta empresa por seguir os padrões recomendados de qualidade.”

A empresa actuana zona costeira do norte do país, permitindo assim que centenas de pescadores de pequena escala tenham acesso a serviços de conservação, processamento e comercialização.

Refira-se que, além do apoio técnico, financeiro e de gestão, a Gapi participa na estrutura accionista da Mariscos do Índico.

O selo Made In Mozambique é um símbolo de reconhecimento de origem moçambicana da empresa bem como do emprego preferencial dos recursos humanos e materiais nacionais na produção da empresa. A Mariscos do Índico reúne todas as directrizes de qualidade exigidas, tais como a norma de calibre, pesca sustentável – pescando de modo artesanal selectivo – e normas internacionais de qualidade (HACCP), entre outras.

Deixe uma resposta

Close Menu