Gapi sensibiliza comunidades para criação de Grupos de Poupança e Empréstimo

Mais rostos comunitários evidenciam o compromisso da Gapi-SI na promoção da inclusão financeira. Trata-se da comunidade de Lole, no distrito de Morrumbala, província da Zambézia, que com a sensibilização e apoio da Gapi conta com novos “bancos de aldeia” vulgarmente conhecidos por Grupos de Poupança e Empréstimo (GPE’s). Uma das mais recentes criações “GPE de Coqueiro” beneficia directamente 28 membros (10 mulheres e 18 homens) correspondente a igual número de famílias de forma indirecta.

“Temos a esperança de poder fazer grandes coisas com o dinheiro que agora vamos poupar. Graças à sensibilização e apoio da Gapi, este processo vai permitir que poupemos o nosso dinheiro e acedamos ao mesmo em forma de empréstimo para não só investir nas nossas machambas, mas também, comprarmos cadernos para os nossos filhos estudarem, medicamentos quando estivermos doentes, pão quando tivermos fome.” – Afirmou o líder do grupo, com o rosto de alegria.

 

A assistência na criação destes grupos baseia-se numa dualidade de relação entre a proximidade e confiança entre os seus membros e, para garantir a eficácia no seu funcionamento, a responsabilidade sobre os critérios operacionais (e.g: taxas, comissões, etc) é tomada colegialmente pelos seus membros.  Contudo, é papel da Gapi apoiar na elaboração de estatutos e regulamentos, bem como, assistir na obtenção do NUIT e ligação destes grupos com os serviços financeiros formais.

Assente na combinação dos serviços de Consultoria e Capacitação empresarial (CCE) e Desenvolvimento Institucional (DI), este trabalho resulta da implementação da estratégia da Gapi no quadro da promoção de inclusão financeira em Moçambique.

Deixe uma resposta

Retype the CAPTCHA code from the image
Change the CAPTCHA code

Close Menu