Agro Jovem impulsiona novos postos de emprego

No âmbito da implementação do programa Agro Jovem, 2 novos grupos de jovens finalistas do curso de agronomia na Unizambeze – sendo esta instituição um parceiro de implementação -, em Mocuba, já se encontram a operacionalizar os seus respectivos projectos. Esta instrumentalização deveu-se a um financiamento que a Gapi-SI prestou a estes com vista a estimular-lhes a se tornarem em empresários de valor no agro-negócio. O programa Agro Jovem foi recentemente alargado para todo o país e foi lançado em Junho de 2015 pelo Presidente da República.

Uma proposta aprovada pelo Comité de Avaliação do Agro Jovem é do Projecto Evisa, que se baseia na venda de carnes e seus derivados. A segunda é o Projecto de Rações de Mocuba que, tal como sugere o nome, baseia-se na comercialização de rações para avicultura e fármacos.

“Sou uma estudante finalista do curso de agronomia e quando ouvi falar na possibilidade de um financiamento, não acreditei que fosse possível. Sempre sonhei em puder trabalhar neste ramo e hoje, graças ao financiamento que recebi, procurarei dar seguimento a este sonho. Devo agradecer à Gapi por ter aceite a minha proposta e por oferecer a possibilidade de jovens como eu se tornarem donos dos seus destinos.” – disse Isaura Guambe, a jovem financiada no Projecto Evisa.

Este financiamento permitiu também que fossem criadas duas novas empresas – já registadas -, (Evisa, Lda e Rações de Mocuba) sendo que, desse modo, já podem oferecer novos serviços e postos de trabalho naquele mercado local.

Recorde-se que o Agro Jovem tem abertas vagas para novos parceiros de implementação, em todo o país. As instituições de ensino, médio ou superior, interessadas, poderão obter mais informação através do website www.agrojovem.co.mz – ou localizar a delegação da Gapi mais próxima e informar-se sobre os requisitos.

Deixe uma resposta

Retype the CAPTCHA code from the image
Change the CAPTCHA code

Close Menu